Entrevista: Nancy, atração Motomix 2008


O Motomix 2008 é esse sábado, mas muita coisa aconteceu antes de montarem o palco lá no Ibirapuera. No site do festival, foram mais de 450 bandas inscritas, para ocuparem três vagas no line-up junto com as atrações internacionais Fujiya Miyagi, The Go! Team e Metric. Uma das escolhidas, foi a sexteto de Brasília, Nancy. E não é a primeira vez que eles chamam a atenção entre tantos, o som de atmosfera pesada contrastado a belas melodias, fez o grupo ganhar um convite para o South by Southwest, um dos festivais mais importantes da atualidade. Divididos entre seus trabalhos e a música, Camila Zamith, Praxis, Dreaduardo, Munha, Fernando e Ivan Bicudo, acabam dando um jeitinho virtual pra levarem a banda adiante, sorte nossa. Aí vai um pequeno papo que tivemos com a banda.

• Vocês trabalham muito virtualmente com a banda, isso influência o som do grupo de alguma maneira?

Camila: Trabalhar virtualmente nos ajudou em vários aspectos. Temos que ser muito organizados e disciplinados, por exemplo. Não sei exatamente de que maneira isso influencia o nosso som. Mas acredito que nos faz pensar muito mais no tipo de som que queremos fazer, de maneira mais estruturada.

• No myspace da banda vocês não colocam o release em português, agora é a hora de pensar no mercado do exterior?

Praxis: Preparamos aquele texto porque havíamos sido convidados pra tocar no South by Southwest, no Texas, e os gringos precisavam ter um mínimo de informação sobre a banda. Além disso, temos fãs na Escola Americana de Brasília. Mas é isso aí, dólar lá em baixo, Obama lá em cima, acho que é um bom momento pro Brasil lá fora. Até o Goldman Sachs acha isso.

• E como foi a experiência de participar do South by Southwest?

Praxis: Acabamos não indo por causa da demora em se conseguir o visto apropriado para tocarmos por lá. Tem pena de morte no Texas, você sabe.

• Então agora, pela primeira vez em um festival internacional. Como vocês estão levando essa responsabilidade?

Camila: Acho que encaramos festivais internacionais, nacionais e shows menores da mesma forma: fazemos o máximo possível para sermos uma banda interessante.

Praxis: Vamos ter que nos vestir melhor, isso é fato.

Marcelo Fubah

Uma resposta to “Entrevista: Nancy, atração Motomix 2008”

  1. Morfusula Says:

    Vi a banda no Motomix – foi um barato. Ate os mendigos gostaram.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: